Feeds:
Posts
Comentários

Arquivo da categoria ‘IPE informa’

CRIxSEP

Campeonato novo, vida nova! (ah, quantas vezes temos dito isso…) O Brasileirão que marca o ano do centenário do Palmeiras começa como terminou a série B de 2013: no interior de Santa Catarina. Pela frente, o time deste Nacional que há mais tempo não encontramos e que está repleto de ex-palmeirenses. Esperamos que a tradicional zica fique de lado; é importante largar com o pé direito nas nove rodadas pré-vaiterCopadoMundo.

Horário e local: domingo (20/03) às 18:30, no Heriberto Hülse, com SporTV (narração de Luiz Carlos Jr e comentários de Maurício Noriega).

Árbitro: será André Luiz de Freitas Castro (GO), cujo histórico registra 6 jogos, com 4V/2E. Esta invencibilidade tem um porém: ele comandou o jogo que nos mandou para novamente para o cadafalso.

2013 – 2×0 Bragantino (B, f), 1×0 Atlético-PR (CBr, c)

2012 – 1×1 Flamengo (BR, f)

2011 – 1×1 Bahia (BR, c)

2010 -  3×1 Flamengo (BR, f)

2008 – 5×1 Central (CBr, f)

Situação na tabela: o Palmeiras é o líder do Brasileiro com zero pontos, enquanto o Criciúma é o lanterna também com zero. Ou vice-versa.

Desfalques/Reforços: Victorino não conta, certo? Josimar volta de lesão, e espera-se que todas as vítimas da semifinal com o Ituano já estejam restabelecidos. Com 18 dias de intervalo desde o último jogo, Kleina resolveu fazer “testes” de última hora, de modo que nem ele deve saber quem vai pro jogo.

Pendurados: sempre dizemos isso, porque geralmente acertamos: Valdivia, daqui a dois jogos.

Previsão IPE: Fernando Prass; Wendel, Lúcio, Tiago Alves, Juninho; Marcelo Oliveira, Wesley, Bruno César, Marquinhos Gabriel, Valdivia; Alan Kardec

Destaques/Criciúma: eliminado, como nós, na semi do Estadual, o Tigre também já caiu na Copa do Brasil – foi eliminado pelo campeão paranaense Londrina. Mesmo assim, seu técnico (ver abaixo) segue prestigiado. Os reforços contratados esta semana ainda não devem atuar; a maior dúvida está na camisa 9, que deve ficar com Bruno Lopes, um jovem de 18 anos. A escalação deve ter Bruno; Eduardo, Fábio Ferreira, Escudero e Giovanni; Serginho, Ricardinho, João Vitor e Paulo Baier; Silvinho e Bruno Lopes.

Olho nele(s): Escudero é aquele folgado que tirou onda do Verdão na Sula-2008 e que fracassou no Corinthians depois. E Paulo Baier é aquele que estava nas caravelas de Cabral – e que, num caso raro para ex-jogadores, costuma ir mal contra o Palmeiras, mas sempre merece respeito. Trata-se afinal do maior artilheiro do Brasileirão desde o início dos pontos corridos.

Ex-palmeirenses no Criciúma: o zagueiro Gualberto, os volantes Martinez e João Vítor, o meia Paulo Baier e o técnico Caio Potter Júnior.

Palpite IPE: num rasgo de otimismo, o Palmeiras abre 2 a 0 (Kardec, Wesley), sofre um aos 30 do segundo tempo, fica com 10 mas leva os três pontos.

Último confronto: pela penúltima rodada do Brasileiro de 2004, uma vitória incrível – estávamos com 2 a 1, levamos o empate aos 46 do segundo tempo e dois minutos depois conseguimos o terceiro. Valeu a vaga na Libertadores, e deixou o Criciúma muito próximo do rebaixamento que se confirmou na semana seguinte (Marcinho Guerreiro, Thiago Gentil, Ricardinho; Vágner Carioca, Toninho)

Última vitória no local do jogo: no primeiro turno do BR-2004 também vencemos: 2 a 1 (Élson, Magrão; Marcos Denner).

Última derrota no local do jogo: faz tempo! Foi pelo Brasileiro de 1996, 2 a 1 (Viola; Mabília, Tôni)

Histórico: vantagem verde num confronto pouco frequente, que teve sua primeira edição em 1981, num 0×0 pela Taça de Prata.

GERAL CAMPEONATO BRASILEIRO
J V E D GP GC J V E D GP GC
10 5 2 3 12 9 6 4 0 2 8 6

O IPE se lembra: na Copa do Brasil de 2003 eliminamos os carvoeiros na segunda fase, com um gol salvador de Thiago Gentil que deu a vitória em casa por 2 a 1 após empate de 1 a 1 na ida (notaram que ele gostava de fazer gol nos catarinenses?).

Read Full Post »

SEPxVIL

Primeiro que este jogo sequer era para acontecer, mas como o Palmeiras não cumpriu sua obrigação em Rondônia, hoje corre o risco de sofrer mais um pouco após a derrota vexatória para o Ituano ainda pelo falecido Paulistão. A lista de desfalques é grande, e a preocupação com as peças de reposição nem pode ser mensurada.

O mínimo que pode ser feito hoje é vencer, e bem. Para honrar a camisa do Palmeiras e amenizar a queda no Paulistão.

Horário e local: quarta (02/04), as 22:00, no Pacaembu (Globo para SP com Cléber Machado, Caio Ribeiro e Gaciba e SporTV2 e PFC1, com Jorge Vinícius e Wagner Vilaron)

Árbitro: será Wanderson Alves de Sousa (MG), que estreia em jogos do Palmeiras, repetindo o acontecido no jogo de ida, quando também tivemos a estréia de um árbitro desconhecido em jogos do Verdão.

Desfalques/Reforços: Wendell, Juninho, Wesley, França, Valdívia, Alan Kardec e talvez Fernando Prass que ainda vai passar por avaliação, desfalcam o Palmeiras. Vinícius reforça o time não sendo relacionado, além de Victorino, Josimar, Serginho, Rodolfo e Miguel, que voltam a ter uma chance.

Pendurados: ainda ninguém.

Próxima partida: Se avançarmos, pegaremos o vencedor de Sampaio Correa-MA x Interporto-TO, que empataram a ida por 2×2. O IPE torce para jogarmos em Tocantins.

Previsão IPE: Fernando Prass; Tiago Alves, Lúcio, Wellington, William Matheus; Marcelo Oliveira, Eguren, Mendieta, Bruno César; Leandro e Miguel

Bola verde IPE: Bruno César, Juninho e Leandro dividem a liderança com nota 8 na primeira partida.

Destaques/Vilhena: O VEC poupou titulares essa semana e deve ir com força máxima para a partida da vida do clube.

Ex-palmeirenses no Vilhena: o lateral-direito chamado Igor Pontes (apelidado Portela), que passou pela base há nove anos.

Palpite IPE: 2×1 com gols de Patrik Vieira e Lúcio

Último confronto: o primeiro jogo em Rondônia, quando vencemos por 1×0.

Histórico: é a primeira vez que recebemos um rondoniano. E também foram poucas as vezes que hospedamos clubes nortistas: em nossas contas, apenas 10, com 9 vitórias e um empate.

O IPE se lembra: pela Copa do Brasil de 1999, recebemos o amazonense São Raimundo no Palestra. E com a base que seria campeã da Libertadores e tudo fomos pro intervalo perdendo de um a zero (o que ainda dava a vaga – fora havia sido 2 a 1). No segundo tempo, eles cansaram, ficaram com 10 e tiveram que trocar de goleiro, o que evitou o vexame: 3 a 1 (Arce, Roque Júnior 2).

Read Full Post »

Essa doeu. Algumas vezes no passado recente o Palmeiras chegou desacreditado em partidas decisivas e realmente não conseguiu vencer, mas hoje era diferente. A certeza da vitória era tamanha que até deve estar entre os fatores que levaram a mais essa frustração. O devaneio que nublava a visão invariavelmente crítica e criteriosa da torcida alviverde, tão calejada por sucessivos vexames e fracassos, foi por terra.

A  ilusão do bom elenco, da mentalidade diferente, da solidez da equipe, nada disso hoje faz sentido, bastou carecer de 3 jogadores para todo um trabalho virar pó diante do mítico, respeitado e poderoso elenco do Ituano. Se o Palmeiras e o palmeirense aceitarem que foi pela ausência de Valdívia 100%, Alan Kardec e Fernando Prass, e não pelas presenças de Vinícius, Leandro (o 2014 em nada lembra o 2013), Tiago Alves de lateral direito, Bruno-é-só-chutar, Wesley-arrumem-meu-contrato, entre outros que povoam o elenco alviverde, que se deu a derrota de hoje, então realmente estaremos em maus lençóis logo mais quando se iniciarem as competições mais exigentes, por assim dizer. É imperativo contratar e arejar o comando da equipe, pra não pedir a cabeça de Kleina de maneira tão explícita. Ter o time na mão não basta, quem precisa ser amigão da galera é professor de ensino médio, técnico tem que saber treinar, escalar, mexer e conduzir a equipe ao sucesso quando tem a oportunidade.

Hoje a única palavra cabível é vexame. Puro e simples vexame, aquele tipo de vexame que ninguém sequer sonharia passar no centenário, mas que já deveríamos prever que existiria. Títulos deixaram de ser constantes, mas os vexames, esses teimam em estar junto de nós. Mais uma vez o Palmeiras estará do lado errado nas notícias, mais uma vez é aquele que não chegou lá apesar de tudo indicar que chegaria. E outra vez com um time que sequer serve para limpar as botas da história palmeirense.

É hora de ação, o Palmeiras não pode ser passivo, o ano está apenas no começo e ainda tem conserto. Só depende de quem manda na Sociedade Esportiva Palmeiras, ou vão dar um jeito de eximir Paulo Nobre dessa responsabilidade?

Notas:

Prass – parece piada que um dos mais regulares do elenco se lesione justo em uma decisão – 7

Tiago Alves – terrível, não é a dele jogar de lateral direito, cadê o reserva, aliás, cadê o titular?! – 2

Lúcio – umas faltas bobas à la Pierre, no mais seriedade e vontade, a mesma que faltou em outros – 7

Wellington – um erro feio no final, comprometeu no lance do gol – 2

Juninho – se agigantou na campanha, se borrou na decisão – 2

Marcelo Oliveira – joga mais ou menos em várias posições, não comprometeu – 6

Wesley – preguiçoso, desinteressado, descompromissado – ZERO

Mendieta – uma no cravo e outra na ferradura, armou mais contra-ataques contra que a favor – 4

Bruno César – escondido, no segundo tempo apareceu um pouco mais antes de sentir o próprio peso – 4

Alan Kardec – apanhou, lesionou, e o zagueiro criminoso nem cartão tomou – 6

Leandro – preciosista, perdeu a melhor chance do jogo, não serve – 2

Valdívia – deu seus bons passes, tomou seu cartão habitual, não deveria ter entrado meia bomba – 4

Vinícius – esse é um dos maiores mistérios do Palmeiras, não é possível que não tenha alguém que o banque lá – ZERO

Bruno – sua simples presença anima o adversário, não teve culpa no gol que todos sabiam que ele ia tomar – 2

Gilson Kleina – teve uma grande oportunidade de atingir um outro patamar, o de técnico campeão pelo Palmeiras, suas más escolhas custaram caro para uma instituição que merece alguém no mínimo mais preparado do que legal, vaza. – ZERO

 

FICHA TÉCNICA:

PALMEIRAS 0 X 1 ITUANO

Local: Pacaembu, em São Paulo (SP)
Data/Horário: 30/3/2014, às 18h30
Árbitro: Antonio Rogério do Prado
Assistentes: Fausto Augusto Moretti e Luis Alexandre Nilsen
Público/Renda: 29.166 pagantes/R$ 1.363.977,50
Cartões amarelos: Tiago Alves, Wellington, Valdivia e Vinicius (PAL); Dener e Rafael Silva (ITU)

PALMEIRAS: Fernando Prass (Bruno, intervalo); Tiago Alves, Lúcio, Wellington e Juninho; Marcelo Oliveira, Wesley, Mendieta (Valdivia, 25′/2ºT) e Bruno César; Leandro e Alan Kardec (Vinicius, 41′/2ºT). Técnico: Gilson Kleina.

ITUANO: Vagner; Dick, Alemão, Anderson Salles e Dener; Josa, Jackson, Esquerdinha e Cristian (Claudinho, 19′/2ºT); Rafael Silva (Gercimar, 40′/2ºT) e Jean Carlos (Marcelinho, 29′/2ºT). Técnico: Doriva

Read Full Post »

SEPxITU

Vencemos bem nas quartas, mas isso já não importa mais, em jogo único a semi-final pode nos levar à grande final do campeonato que não conquistamos desde 2008. Mais que isso, pode transformar o início do glorioso ano do Centenário Alviverde em festa, depois de tanta incerteza e frustração por estar em paragens nada dignas em 2013, é o que o torcedor merece no momento. Gilson Kleina vai para seu centésimo jogo a frente do Verdão com totais condições de colocar o time na final e seu nome na história.

Horário e local: domingo (30/03) no Pacaembu, as 18:30h (SporTV) com narração de Milton Leite e Maurício Noriega

Árbitro: será Antônio Rogério Batista do Prado, de retrospecto curto e equilibrado, apenas 9 jogos com 4V/3E/2D. Desde 2011 não somos derrotados sob arbitragem dele:

2013 – 1×0 Guaratinguetá (B,c) / 4×0 Oeste (B,c) / 2×2 Corinthians (P,c)

2012 – 0× São Caetano (P, c) / 2×0 Mogi Mirim (P, c)

2011 – 0×1 Corinthians (P, f)

2010 – 4×3 Santos (P, f)

2008 – 2×2 Mirassol (P,c) / 1×4 América-SP (P,c)

Situação na tabela: Como já dissemos antes, a pontuação continua a ser contada para definir quem mandará o segundo jogo da final em casa, segue a mesma coisa com o Palmeiras ‘em 2º’ e o Santos ‘em 1º’.

Desfalques/Reforços: Valdívia não é tratado como dúvida, apesar da lesão no tornozelo. Bruno Oliveira e França seguem de fora.

Pendurados: A lista aumentou muito no último jogo, agora são sete pendurados: Wendel, Wellington, Eguren, Marcelo Oliveira, Valdivia, Mendieta (esse o IPE não divulgou no último boletim) e Bruno César. Próxima partida:  Jogo de ida da final.

Previsão IPE: Prass; Wendel, Lúcio, M.Oliveira e Juninho; Eguren, Wesley, Valdivia e Bruno César, Alan Kardec e Leandro.

Destaques/Ituano: O técnico Doriva tem um desfalque para o jogo, o volante Paulinho, para seu lugar as opções são Marcinho Porpeta ou Marcelinho para um time mais ofensivo e Ewerthon Cabeça e Claudinho para fechar na defesa.

Ex-palmeirenses no Ituano: os meias Marcinho “Porpeta” e Cristian “Mendigo”.

Palpite IPE: 3×1 com gols de Bruno César, Kardec pra assumir a artilharia isolada e Eguren pra cavar uma vaga no time da final.

Último confronto: foi pela fase de grupos do  Paulistão 2014, no Pacaembu – 1×0 gol de Alan Kardec

Última derrota como mandante: jamais perdemos para o Ituano jogando em casa.

Histórico: o primeiro confronto da história entre as equipes acabou com um chocolate palestrino – 7×1 – gols de Zequinha, Américo (2), Vasconcelos (2), Paulinho e Géo.

                   GERAL       CAMPEONATO PAULISTA
J V E D GP GC J V E D GP GC
24 15 4 5 48 21 23 14 4 5 41 20

O IPE se lembra: pelo eterno Paulistão 1993, o Palmeiras recebeu o Ituano no Palestra (que saudade de casa!) e venceu – 2×0 – gols de Jean Carlo e Edmundo.

Read Full Post »

SEPxBRA

O jogo mais importante do ano, até aqui, e consequentemente menos importante que o próximo caso o Verdão faça sua parte, ao contrário de uns adversários ai que nos inspiram PENApolense. Os comandados de Gilson Kleina recebem o Bragantino no Pacaembu para as quartas-de-final, em jogo único e com penaltis no caso de empate. É hora de vencer afinal, Gilson Kleina ainda não ganhou em mata-mata. Seria fantástico vencer o campeonato mais tradicional do país no glorioso ano do Centenário Alviverde. Um jogo de cada vez!

Horário e local: quinta-feira (27/03), as 21:00, no Pacaembu (SporTV e Premiere), com Milton Leite e Maurício Noriega.

Árbitro: será Flávio Rodrigues Guerra, cujo histórico registra 7 jogos, com 5V/1E/1D. Curiosidade: é o árbitro dos 4×1 spfc de 2008, com direito a três penaltis pró Palmeiras. Confira o histórico:

2013 – 2×1 São Caetano (B, f)

2012 – 3×2 Guaratinguetá (P, f)

2011 – 2×0 Grêmio Prudente (P, c) / 2×1 Noroeste (P,f)

2010 – 1×1 Mirassol (P, c)

2008 – 4×1 spfc (P,c)

2007 – 1×2 Ponte Preta (P, f)

Situação na tabela: a pontuação da fase de mata-mata será somada à da fase de classificação somente para efeito de determinação de mandos. Passando pelo Bragantino o Verdão encara o Ituano, que ontem venceu o Botafogo-SP na outra partida das quartas.

Desfalques/Reforços: Wesley volta ao time e provavelmente Bruno César volta para o banco de reservas, França e Bruno Oliveira estão no DM.

Pendurados: Wellington, Wendel e Eguren.

Previsão IPE: Prass, Wendel, Marcelo Oliveira, Lúcio e Juninho; Eguren, Wesley e Valdívia; Leandro, Kardec e Vinishow

Destaques/Bragantino: o volante Mateus que era titular não foi nem relacionado, os demais estão a disposição e o Bragantino deve ir de: Rafael Defendi, Yago, Guilherme Mattis e Alexandre; Robertinho, Francesco, Gustavo e Geandro; Léo Jaime, Magno Cruz e Tássio

Olho nele: Léo Jaime é a principal arma do Massa Bruta, o ala que virou atacante tem 3 gols no Paulistão.

Ex-palmeirenses no Bragantino: o goleiro Pegorari está lá por empréstimo.

Palpite IPE: Jogo decisivo, o Bragantino vai dificultar um pouco mas venceremos: 2×1 com gols de Kardec e Lúcio.

Último confronto: foi pela Série B 2013, em Bragança Paulista, vencemos por 2×0, gols de Kardec e Wesley.

Última vitória no local do jogo: foi também pela Série B 2013, primeiro turno – 2×1, gols de Kardec e Valdívia.

Última derrota no local do jogo: O Palmeiras nunca perdeu para o Bragantino jogando no Pacaembu.

Histórico: vantagem absolutamente verde.

                  GERAL      CAMPEONATO PAULISTA
J V E D GP GC J V E D GP GC
36 19 9 8 59 32 24 12 8 4 39 18

O IPE se lembra: pelo Paulistão 2008 o Palmeiras foi até Bragança Paulista e saiu perdendo por 2×0, teve Marcos expulso em lance que sofreu a agressão, mas Diego Souza, Valdívia, Leandro e Denílson (2x) fizeram o jogo virar festa, 5×2.

Read Full Post »

n_palmeiras_leivinha-3924871

É chegada a hora de encerrar a primeira fase do Paulistão 2014, detentor da melhor campanha até aqui, o Palmeiras vai a Santos enfrentar o time local para dar números finais à tabela de classificação. Quem vencer será o dono da melhor campanha, em caso de empate caberá ao Verdão o primeiro lugar geral. O suposto complicador de ser o primeiro é enfrentar o SPFC na semi-final, este ano elas eles não nos trouxeram problemas, mas o time da Vila Belmiro aparentemente não está muito confortável com a chance de encarar a trupe do quitandeiro. Como o Verdão não escolhe adversário, Gilson Kleina mandará para campo o time titular e provavelmente o bombardeio será intenso (talvez para os dois lados) com Bruno César e Valdívia na meia cancha palmeirense.

Horário e local: domingo (23/03), as 16:00, no Urbano Caldeira (Globo para SP, exceto Santos), com Cleber Machado, Casagrande e Arnaldo Cesar Coelho e Premiere, com Bachin Jr e Beletti.

Árbitro: será Luiz Flávio de Oliveira, cujo histórico registra 16 jogos, com 12V/1E/3D. Fato positivo sobre esse árbitro é que ele já apitou jogos nossos contra o Santos 4 vezes, com 3V e 1E, empate este na única partida disputada na Vila Belmiro. Últimos confrontos:

2014 – 2×0 SPFC (P, c)

2013 – 2×1 Paulista (P, c)

2012 – 1×2 SCCP (BR, c) / 2×1 Santos (P,c)

2011 – 1×0 SPFC (BR, c) / 2×1 SCCP (BR,c) / 3×0 Santos (BR,c)

Situação na tabela: o Palmeiras é o líder do Grupo D e da classificação geral, com 35 pontos, o Santos é o líder do Grupo C e vice-líder da classificação geral, com 33 pontos.

Desfalques/Reforços: Wendell será poupado por estar pendurado com 2 amarelos, Wesley está recuperado mas segue de fora, Bruninho vai fazer sua estréia atuando na LD e Fernando Prass dá lugar a Bruno, o goleirão titular pediu dispensa para resolver assuntos particulares – San Gennaro nos proteja. França sentiu lesão de última hora e também não joga.

Pendurados: Inacreditavelmente são três, Wendell, Eguren e Wellington. Próximo jogo: Bragantino ou Rio Claro (c)

Previsão IPE: Bruno, Bruninho, Thiago Alves, Lúcio e Juninho; Marcelo Oliveira, Eguren, Valdívia e Bruno César; Alan Kardec e Leandro

Destaques/Santos: Arouca é dúvida e não deve ir para o jogo, Aranha, Mena, Neto e Thiago Ribeiro voltam a ficar a disposição e devem encarar o Verdão. O time que empatou em 3×3 contra o Rio Claro deve receber os 4 acima citados e ser escalado por Oswaldo de Oliveira com: Aranha; Cicinho, Neto, Jubal e Mena; Alison (Arouca), Cícero e Gabriel; Geuvânio, Thiago Ribeiro e Leandro Damião

Olho nele(s): Cícero e Geuvânio, os dois juntos já marcaram 12 gols e tem sido importantes para o Santos.

Ex-palmeirenses no Santos: o zagueiro David Braz e o vovô lateral Léo, ambos reservas.

Palpite IPE: Depois de acertar em cheio os placares contra o Paulista e a Ponte Preta, agora vamos de: 3×1 com gols de Bruno César, Juninho e Vinishow

Último confronto: foi a eliminação no Paulistão 2013, na Vila Belmiro 1×1 no tempo normal e 4×2 nos penaltis.

Última vitória no local do jogo: foi pelo Paulistão 2011 – 1×0 – gol de Kleber.

Última derrota no local do jogo: foi pelo BR2012 – 1×3 – gols de Maikon Leite para o Palmeiras, e Neymar (2) e Victor Andrade para o Santos.

Histórico: vantagem inteiramente verde.

GERAL CAMPEONATO PAULISTA
J V E D GP GC J V E D GP GC
310 133 81 96 539 448 179 88 40 51 328 242

O IPE se lembra: pelo Paulistão 2010 o Palmeiras foi à Vila totalmente desacreditado e colocado pela mídia como saco de pancadas. Pois a vitória veio, com direito a Armeration, e de virada  - 4×3 – gols de Robert (3) e Diego Souza.

Read Full Post »

SEPxPON

No retorno à capital paulista depois de uma viagem longa e complicada até Rondônia, o Verdão já classificado e líder garantido do grupo D, recebe a Ponte Preta, que ainda corre risco de não se classificar. O treinador alviverde chegou a sinalizar que mandaria uma equipe no mínimo mesclada, se não totalmente reserva, para o jogo, mas relacionou todos os titulares e esconde qual será a escalação.

Horário e local: sábado (15/03), as 16:00hrs, no Pacaembu (PPV, com Linhares Jr. e Wagner Vilaron).

Árbitro: será Marcelo Rogério, cujo histórico equilibradíssimo registra 3 jogos, com 1V/1E/1D:

2012 – 1 x 2 Corinthians (P,c)

2010 – 1 x 1 Portuguesa (P,c)

2009 – 1 x 0 Guarani (P,c)

Situação na tabela: o Palmeiras lidera o grupo D, com 32 pontos. A Ponte Preta é a segunda colocada do grupo C, com 24.

Desfalques/Reforços: Wesley ‘lesionado’, Marcelo Oliveira suspenso e Marquinhos Gabriel e Diogo aprimorando a parte física estão fora do jogo. Bruno César foi julgado, pegou um jogo de suspensão já cumprido e está liberado para ir a campo.

Pendurados: Wellington e Eguren. Próxima partida:  Santos (fora).

Previsão IPE: Prass; Wendel, Lúcio, Tiago Alves e Juninho; Eguren, França e Valdívia; Vinícius, Leandro e Kardec.

Bola verde IPE: Prass reina isolado, com média 8,27.

Destaques/Ponte: O meia Fernando Bob e o atacante Alemão estão fora do jogo por lesão, grande vantagem pois Alemão é o artilheiro da Ponte no Paulistão com 6 gols. Vadão já confirmou as entradas de Alef e Rossi em seus respectivos lugares, Ferrugem que vem jogando improvisado na lateral direita pode perder a vaga.

Ex-palmeirenses na Ponte: ninguém.

Palpite IPE: 3×2, gols de Bruno César, Vinícius e Leandro

Último confronto: foi pelo Paulista 2013, no Moisés Lucarelli – 2×1 – gols de Tiago Real e Leandro para o Palmeiras e Ramírez para a Ponte Preta

Última vitória como mandante: foi pelo BR2012, no Pacaembu – 3×0 – gols de Barcos (2x) e Marcos Assunção

Última derrota como mandante: foi pelo Paulistão 2010, no Palestra – 0×2 – gols de Diego e Finazzi para a Ponte Preta.

Histórico: o primeiro jogo da história entre as equipes foi um amistoso em 1939 e terminou com chocolate palestrino – 5×0 (Echevarrieta (2), Zalli (2) e Carnera).

                     GERAL          CAMPEONATO PAULISTA
J V E D GP GC J V E D GP GC
117 60 29 28 199 124 82 38 26 17 132 81

O IPE se lembra: o Palmeiras convidou a Ponte Preta para ver o jogo da final do Paulistão 2008 de dentro do campo, show alviverde no Palestra Itália lotado (que saudade!). 5×0 com gols de Ricardo Conceição (contra), Alex Mineiro (3x) e Valdivia.

Read Full Post »

VILxSEP

Esta quarta é dia de estreia – aliás, de muitas estreias! O IPE, que adora confrontos inéditos, ficou muito satisfeito com o sorteio da Copa do Brasil, já que ele determinou a primeira visita do Palmeiras a Rondônia, para também o primeiro confronto contra um clube rondoniense, em toda sua quase centenária história.

Como esperamos que a diversão seja efêmera – a expectativa é eliminar o jogo de volta – vamos sem mais demora às informações e curiosidades deste curioso encontro.

Horário e local: quarta (12/03), as 19:30 (18:30 no horário local), no Estádio Arnaldo Lopes Martins, o Portal da Amazônia, em Vilhena (SporTV, com Milton Leite e Mauricio Noriega, e ESPN Brasil).

O Portal da Amazônia recebeu arquibancadas móveis com o intuito de permitir a capacidade de 10 mil pessoas amanhã. Parte delas foi usada na partida contra o Brasiliense, domingo passado. Confira aqui algumas fotos das instalações.

Árbitro: será Paulo Henrique Schleich Vollkopf (MS), que estreia em jogos do Palmeiras. Ele foi quarto árbitro na partida contra o Ceará pela Série B em que recebemos a taça, e já apitou jogos de séries B, C e D.

Curiosidade: o último sul-mato-grossense a apitar uma partida do Palmeiras foi Elvécio Zequetto (Goiás 3×1 Palmeiras, pelo Brasileiro de 2007)

Desfalques/Reforços: Wesley, Diogo, Marquinhos Gabriel, Josimar, Victorino e Thiago Martins estão lesionados ou em recuperação. Por outro lado, Lúcio, Wellington, Leandro, Valdivia e os poupados contra o Paulista voltam à equipe

Pendurados: daqui a duas rodadas, provavelmente Eguren e Valdivia (maldade…)

Próxima partida: se o Palmeiras não vencer por dois gols de diferença, a volta será quinta-feira, 10/4, às 21:50 no Pacaembu; cai na semana entre as duas decisões do Paulista, na qual esperamos estar. Se avançarmos, aí aguardaremos o vencedor de Interporto-TO x Sampaio Correa-MA; o IPE torce para os primeiros, pois também nunca jogamos em Tocantins.

Previsão IPE: Fernando Prass; Wendel, Lúcio, Wellington, Juninho; Marcelo Oliveira, França, Mendieta, Valdivia; Leandro e Alan Kardec

Bola verde IPE: começa amanhã!

Destaques/Vilhena: O VEC foi eliminado da Copa Verde pelo Brasiliense domingo passado, o que acabou com dois ANOS de invencibilidade em casa; pelo Rondoniense jogou duas vezes, ambas em casa, e tem 100% de aproveitamento.

O Lobo do Cerrado vem para sua quinta Copa do Brasil e nunca passou da primeira fase, tendo caído contra Fortaleza, Ponte Preta, Atlético-PR e Avaí, esta a mais recente, em 2011. Contra paulistas e paranaenses eles ao menos conseguiram forçar o jogo de volta.

Não descobrimos quem o técnico Marcos Birigui pretende escalar, mas domingo a escalação foi Wagner; Thiago Silva, Junior, Alex Barcellos, Marinho; Thiaguinho, Cucaú, Willian Santos, Edilsinho; Roallase e Fábio Buda. Nomes alternativos – daqueles que adoram marcar no Palmeiras – não faltam…

Agora, o destaque do Vilhena, mas destaque mesmo, é seu sensacional hino, quase uma mescla de Palmeiras e São Paulo.

Ex-palmeirenses no Vilhena: o lateral-direito chamado Igor Pontes, que passou pela base há nove anos.

Palpite IPE: 3×1, gols de Alan Kardec (2) e Valdivia.

Último jogo e última derrota no Norte: o Palmeiras nunca jogou em Rondônia, então ficamos com a derrota para o Paysandu por 1 a 0 na reta final da série B ano passado.

Última vitória no Norte: também foi contra o Papão – pela Copa do Brasil de 2010, vencemos por 2 a 1 em Belém, com gols de Lincoln e Ewerthon.

Histórico: primeira partida em Rondônia e contra um time local… temos que puxar outra efeméride, então fiquemos com a região: por nossa pesquisa, o Verdão atuou no Norte pela primeira vez em 1965, em amistoso contra o Remo no Baenão. Foi 1 a 1.

O IPE se lembra: a última vez que o Palmeiras estreou na Copa do Brasil jogando no Norte do país foi em 2004, quando batemos o Tuna Luso por 3 a 1 em Belém (Vágner Love 2, Muñoz)

*sobre o escudo do VEC: sabemos que não é o mais atual (agora tem amarelo no lugar do branco), mas não achamos nenhuma versão com resolução adequada para preparar nosso banner

Read Full Post »

PTAXSEP

Mais classificado que jornal de domingo, o Palmeiras vai até São José do Rio Preto encarar o Paulista de Jundiaí sem obrigação alguma de vencer, ao adversário também pouco importa o resultado pois já está rebaixado, pode ser que seja uma partida épica da qual lembraremos por muito tempo, mas é mais provável que não.

Horário e local: domingo (09/03), as 18:30hrs, no Benedito Teixeira em São José do Rio Preto, o Teixeirão (SporTV).

Narração: novidade no pré-jogo do IPE, sempre que possível colocaremos aqui quem serão os responsáveis por nos tirar do sério durante a transmissão na TV: Milton Leite com comentários de Maurício Noriega

Árbitro: será Marcelo Aparecido Ribeiro de Souza, cujo histórico registra 10 jogos, com 3V/4E/3D:

- 2013: Palmeiras 2 x 0 Oeste (B, f)

- 2013: Palmeiras 0 x 0 Santos (P,c)

- 2012: Palmeiras 0 x 2 SCCP (A, f)

- 2012: Palmeiras 0 x1 Ponte Preta (A, f)

- 2012: Palmeiras 1 x 0 Ajax – HOL (Am, c)

- 2011: Palmeiras 1 x 1 SPFC (P, f)

- 2010: Palmeiras 0 x 1 SPFC (A, f)

- 2010: Palmeiras 2 x 2 Rio Branco (P, c)

- 2010: Palmeiras 3 x 3 Ituano (P, c)

- 2006: Palmeiras 4 x 3 Juventus (P, c)

Situação na tabela: o Palmeiras lidera o grupo D, está classificado para as quartas e já não pode mais ser alcançado pelo segundo colocado, com 29 pontos. O Paulista é o lanterna do grupo C, com incríveis 2 pontos, zero vitórias no ano. Vem de sete derrotas consecutivas.

Desfalques/Reforços: Ninguém está de fora por lesão, apenas Lúcio está suspenso, mas Gilson Kleina olhou bem pros resultados do adversário e resolveu que é jogo para testar tantos reservas quanto for possível.

Pendurados: Wellington. Próxima partida:  Ponte Preta (casa).

Previsão IPE: Prass; Bruno Oliveira, Marcelo Oliveira, Tiago Oliveira Alves e Willian Matheus; Eguren, França, Mendieta  e Bruno César; Rodolfo e Vinícius

Bola verde IPE: Prass segue absoluto, com média 8,21.

Destaques/Paulista: Já rebaixado, nem questão de jogar em casa o Paulista fez, vendeu o jogo para São José do Rio Preto e já desmanchou uma ‘boa’ parte do elenco. O técnico Beto Cavalcante deve continuar testando jovens da base e não poderá contar apenas com o zagueiro Philipe Batista, expulso na última partida.

Ex-palmeirenses no Paulista: ninguém.

Palpite IPE: 3×1, gols de Rodolfo, Bruno Oliveira e Bruno César.

Último confronto: foi pelo Paulistão 2013, no Pacaembu – 2×1 – gols de Vilson e Dráusio (contra) para o Palmeiras e Marcelo Macedo para o Paulista.

Última vitória como visitante: foi pelo Paulistão 2012, no Jaime Cintra – Paulista 0 x 1 Palmeiras com gol de João Vitor.

Última derrota como visitante: Foi pelo Paulista 2010, Paulista 3 x 1 Palmeiras com gols de Felipe Azevedo (2x) para o Paulista e Lincoln para o Palmeiras.

Histórico: Apesar de o Paulista ser um clube mais antigo que o Palmeiras, o primeiro confronto só aconteceu em 1977, numa tarde de domingo 29/05 no estádio Jaime Cintra em Jundiaí, o Verdão já iniciou a trajetória vencendo por 1×0, gol de Picolé.

                    GERAL        CAMPEONATO PAULISTA
J V E D GP GC J V E D GP GC
39 23 10 6 82 48 26 15 8 3 48 27

O IPE se lembra: pelo Paulistão 2008 o Palmeiras foi até Jundiaí acrescentar mais uma vitória na campanha do título, venceu por 2×0 com gols de Alex Mineiro e Valdívia

Read Full Post »

SEPxPOR

Após uma semana de treinos e descanso, o líder do grupo D volta a campo com dois objetivos: encaminhar a classificação e seguir firme na luta pela liderança geral.

Horário e local: quinta-feira (06/03), as 19:30hrs, no Pacaembu (PPV).

Árbitro: será Vinicius Furlan, cujo histórico registra 8 jogos, com 4V/3E/1D:

- 2014: 2×1 XV Piracicaba (P,f)

- 2013: 1×1 Guaratinguetá (B,c) / 0×0 Bragantino (P,c)

- 2012: 2×3 Guarani (P,f)

- 2011: 1×0 Santos (P,f) / 3×1 Paulista (P,c)

- 2010: 3×1 XV Piracicaba (Amistoso)

- 2009: 1×1 Guaratinguetá (P,f)

Situação na tabela: o Palmeiras lidera o grupo D, com 26 pontos. A Portuguesa é a quarta colocada do grupo C, com 14.

Desfalques/Reforços: Welington, Victorino, Josimar, Leandro e Diogo estão liberados pelo departamento médico, mas permanecem de fora, aprimorando o condicionamento físico. A lista de desfalques é completada por Valdivia, convocado para seleção. Bruno César e França retornam de suspensão e ficam à disposição, mas a tendência é que nenhum dos dois inicie como titular.

Pendurados: Lúcio e Wellington. Próxima partida:  Paulista (fora).

Previsão IPE: Prass; Wendel, Lúcio, M.Oliveira e Juninho; Eguren, Wesley e Mendieta; Marquinhos Gabriel, Vinícius e Kardec.

Bola verde IPE: Prass segue absoluto, com média 8,08.

Destaques/Lusa: o meia Wanderson, suspenso, fica de fora. O volante William Magrão, que tem jogado improvisado de zagueiro, está recuperado de lesão e retorna à equipe. A provável escalação da Lusa deverá ter Gledson; Régis, William Magrão, Diego Augusto e Bryan; Diego Silva, Renan, Gabriel e Rondinelly; Henrique e Leandro.

Ex-palmeirenses na Lusa: o meia Rondinelly e o atacante Caio Mancha.

Palpite IPE: 2×0, gols de Kardec e Bruno César.

Último confronto: foi pelo BR2012, no Canindé – 0×3 – gols de Bruno Mineiro (2) e Moisés.

Última vitória como mandante: foi pelo BR2008, no Pacaembu – 4×2 – gols de Alex Mineiro (2), Kleber e Gustavo para o Palmeiras, e Jonas (2) para a Lusa.

Última derrota como mandante: foi pelo Paulistão 2005, no Palestra – 1×2 – gols de Osmar para o Palmeiras, e Rodriguinho e Alexandre para a Lusa.

Histórico: o primeiro encontro data de uma sexta-feira 13 nos idos de 1921, e foi uma goleada de 5 a 1 do Palestra Itália sobre a então Portuguesa-Mackenzie, pelo Paulista.

GERAL CAMPEONATO PAULISTA
J V E D GP GC J V E D GP GC
259 120 72 67 449 332 151 72 45 34 270 175

O IPE não se lembra: pelo Paulistão 1978, um chuva de gols e vitória palestrina – 5×3 – gols de Jorge Mendonça (2), Altimar, Amílton Rocha e Beto Fuscão para o Palmeiras, e Wilson Carrasco,  Camargo e Enéas para a Portuguesa.

Read Full Post »

Older Posts »

Seguir

Obtenha todo post novo entregue na sua caixa de entrada.

Junte-se a 41 outros seguidores