Feeds:
Posts
Comentários

Posts Tagged ‘Atlético-GO’

Alegria de volta.

Alegria de volta.

O jogo tinha todos os ingredientes para ser mais um daqueles de deixar o torcedor de cabelos em pé. Muitos desfalques, estádio acanhado, adversário no desespero para fugir da ZR… mas nada disso foi capaz de impedir a vitória palestrina em Itumbiara.

Ao contrário do que o histórico recente sugeria, o Palmeiras precisou de apenas quinze minutos para matar a partida. É bem verdade que o time do Atlético-GO é (muito) fraco, mas quantas vezes vimos o Palmeiras perder pontos inimagináveis contra adversários tão fracos como o de ontem? Se levarmos em consideração a quantidade de desfalques que tínhamos e o fato de que jamais havíamos vencido o dragão fora de casa, podemos dizer que a vitória de ontem foi importante.

O Palmeiras teve o controle do jogo desde o primeiro minuto. Tomando a inciativa, as chances foram aparecendo com naturalidade, até que aos onze minutos Kardec subiu no segundo andar e estufou as redes rubronegras com uma bela cabeçada.

O Atlético ainda tentava se reencontrar na partida quando Luís Felipe aproveitou bola roubada no meio campo e arriscou de fora da área. O goleiro Roberto bateu roupa, Kardec chegou no rebote e foi derrubado na área. Penalti que o próprio Kardec bateu e converteu. Oitavo gol dele no certame, agora o artilheiro da equipe.

Depois do segundo gol a equipe claramente tirou o pé do acelerador e passou a tocar bola na intermediária e campo de defesa, gastando tempo e esperando o Atlético sair para o ataque para tentar ampliar o placar. Perfeito na teoria, mas na prática não saiu como esperado. O Atlético não chegou a realmente ameaçar a meta verde, mas sobraram espaços desnecessários para o adversário, especialmente no fim da primeira etapa.

No segundo tempo, nada muito diferente. O Atlético assustou no início, obrigando Prass a duas defesas de puro reflexo, mas o jogo continuou do jeito que o Palmeiras quis. Com o ritmo um pouco a baixo do primeiro tempo, o Atlético conseguiu ter um pouco mais de posse de bola, mas aos 33 veio a pá de cal, em belo gol de Leandro.

O dragão ainda diminuiu, aos 38 minutos, mas era tarde. O Palmeiras se reencontrou com a vitória, manteve a liderança, e o Atlético entrou na ZR.

Nossa equipe volta agora volta a capital e na terça feira recebe o Asa, talvez com a volta de Valdivia.

NOTAS

- Prass: duas defesas de puro reflexo e a segurança de sempre – 8,5

- Luís Felipe: após algumas partidas bem abaixo do aceitável, ontem foi bem – 7,5

- Tiago Alves: partida sem sustos – 7,5

- Vilson:  de volta após não ir embora, fez boa partida – 7,5

- Wendel: não comprometeu, apesar dos mesmos erros de sempre – 7

- Araújo: bem na proteção a zaga e sem atrapalhar no ataque – 7,5

- Wesley: se apresenta a todo momento para o jogo, não foge da responsabilidade, mas errou demais no jogo – 5,5

- Felipe Menezes: tudo bem que seu estilo é de cadenciar o jogo, mas é demais… – 5,5

- Vinícius: o dia em que ele entender que o melhor é fazer as jogadas e PASSAR a bola, vira peça fundamental. Se continuar tentando chutar a gol, fica difícil… – 6,5

- Leandro: boa movimentação e golaço – 8

- Kardec: dois gols, fez pivô, buscou jogo, prendeu bola no ataque… partidaça – 9

- Charles: logo em seu primeiro lance quase entregou a rapadura. Impressionante como seu futebol caiu – 5,5

- Serginho: tem velocidade, bom passe, se apresenta para o jogo, mas se continuar tendo somente 10 minutos a cada 4 ou 5 rodadas fica difícil – 6,5

- Léo Gago: após um logo período parado, voltou quebrando galho na lateral esquerda e teve participação discreta – 6,5

MELHORES MOMENTOS

FICHA TÉCNICA

ATLÉTICO-GO 1 X 3 PALMEIRAS

Local: Juscelino Kubitschek, Itumbiara (GO)
Data-Hora: 7/9/2013 – 18h15 (de Brasília)
Árbitro: Jean Pierre Lima (RS)
Auxiliares: Marrubson de Freitas (DF) e Rener Carvalho (AC)

Gols: Alan Kardec, aos 11’/1ºT (0-1) e aos 15’/1ºT (0-2); Leandro, aos 33’/2ºT (0-3); Ricardo Jesus, aos 38’/2ºT (1-3).
Cartões amarelos: Artur e Tiago Alves.
Público: 22.691 pagantes.

ATLÉTICO-GO: Roberto; Rafael Cruz, Artur, Ednei e Ernandes; Dodó, Régis (Jonh Lennon, 19’/1ºT), Marino (Jorginho – Intervalo) e Bida (Thiago Rômulo, 24’/2ºT); Michael Jackson e Ricardo Jesus. Técnico: PC Gusmão.

PALMEIRAS: Fernando Prass; Luis Felipe, Vilson, Tiago Alves e Wendel (Léo Gago, 35’/2ºT); Márcio Araújo, Wesley e Felipe Menezes (Charles, 32’/2ºT); Vinicius (Serginho, 36’/2ºT), Leandro e Alan Kardec. Técnico: Gilson Kleina.

Read Full Post »

acgxsep

Lá vamos nós para mais 19 rodadas. O Palmeiras vai até o interior de Goiás enfrentar um Atlético em estado de flerte com a ZR.

Horário e local: sábado (07/09), as 18:15, no Estádio JK, em Itumbiara (Band/PPV).

Árbitro: será Jean Pierre Gonçalves Lima (RS), estreante em jogos do Palmeiras.

Curiosidades: assim como no primeiro turno, a partida não será disputada na “cidade natal” do mandante. No turno o jogo foi em Itu, e agora será em Itumbiara. Outra coincidência é que em ambos os jogos foram “sorteados” árbitros estreantes em jogos do Palmeiras.

Situação na tabela: o Palmeiras lidera com 42 pontos, enquanto que o Atlético é o primeiro fora da ZR, com 20 pontos conquistados.

Desfalques/Reforços: Valdivia, Henrique e Eguren, convocados para suas respectivas seleções, e Léo Gago, Ronny, Marcelo Oliveira, Juninho e Fernandinho, lesionados, ficam de fora. Como se não bastasse o caminhão de desfalques, Wesley e Mendieta serão julgados hoje pelo STJD e podem ficar de fora também. Leandro retorna após cumprir suspensão e Vilson retorna após ser jogador do Stuttgart somente por algumas horas.

Pendurados: Luís Felipe, Eguren e Mendieta. Próxima partida: Asa (casa).

Previsão IPE: Prass; Wendel, Tiago Alves, Vilson e Luís Felipe; Araújo, Wesley (Charles) e Mendieta (Felipe Menezes); Vinícius, Leandro e Alan Kardec.

Destaques/Atl-GO: o goleiro Roberto, recuperado de lesão, e o lateral Ernandes, que estava suspenso, retornam à equipe titular. A provável escalação do dragão deverá ter Roberto; Rafael Cruz, Ednei, Artur e Ernandes; Dodó, Marino, Bida, Jorginho e João Paulo; Anselmo.

Ex-palmeirenses no Atl-GO: os atacantes Anselmo e Adriano “Michael Jackson”.

Palpite IPE: no sufoco2×1 – gols de Kardec e Vinícius.

Último confronto: foi o jogo do primeiro turno – 1×0 – gol de Tiago Real.

Última vitória em Goiás: a única vez que vencemos o Atlético-GO fora de casa foi em um amistoso disputado em 1973 – 3×0 – gols de Leivinha (2) e Pio.

Última derrota em Goiás: foi pelo BR2012 – 1×2 – gols de Barcos para o Palmeiras, e Raylan e Eron para o Atl-GO.

Histórico: pois é, somos fregueses.

GERAL SÉRIE B
J V E D GP GC J V E D GP GC
11 4 1 6 13 16 1 1 0 0 1 0

Read Full Post »

Ufa... (Foto: Miguel Schincariol)

Ufa… (Foto: Miguel Schincariol)

Com sufoco, nervosismo e estádio vazio. Nada disso importa. O Palmeiras largou com vitória, e a conta é simples: estamos 3 pontos mais próximos da volta à série A.

O jogo teve mesmo cara de série B. Baixo nível técnico, muita disputa pela bola no meio campo e alguns lances bizarros. As equipes começaram se estudando bastante, e aos poucos algumas chances não muito agudas foram surgindo. O Palmeiras esbarrava principalmente na falta de tranquilidade e pontaria de seu ataque. Já o dragão esbarrava na falta de qualidade generalizada do time.

A primeira grande chance do jogo veio somente aos 38 do primeiro tempo, em jogada de Leandro. O atacante recebeu na intermediária, avançou, driblou um adversário e invadiu a área. Kleber aproveitou a indecisão do ex-gremista e concluiu em cima de Márcio. No rebote, o próprio Leandro chutou fraco, em cima do goleiro.

As equipes voltaram iguais para o segundo tempo, e o Atlético assustou logo de cara. William Barbio roubou a bola de Vinícius – com falta ignorada pelo fraquíssimo árbitro – tocou para João Paulo e recebeu de volta na cara de Bruno. Ele invadiu, ajeitou o corpo e colocou no canto direito, para defesa com o pé de Bruno. Fosse um atacante melhorzinho, e esse pós jogo certamente seria muito azedo.

Como quem não faz, toma, três minutos depois o Palmeiras abriu o placar (com o até então apagado) Tiago Real, após cruzamento preciso de Ayrton. A partir daí o Atlético se jogou ao ataque buscando o empate, e o Palmeiras se acomodou buscando matar a partida nos contra-golpes. Leandro teve boa chance, mas parou nas mãos de Márcio.

Parecia que o segundo gol era questão de tempo, não fosse a substituição errada de Gilson Kleina. O treinador tirou Leandro – o melhor do ataque – para a entrada do “velocista” Maikon Leite. Em seu primeiro lance, o ligeirinho recebeu belo passe e tocou na saída de Márcio, mas a bola parou na trave.

O Atlético adiantou ainda mais a equipe, buscando o empate a todo custo, e levou perigo em alguns lances. No fim, Maikon Leite ainda perdeu mais uma chance ao tentar surpreender Márcio. Se tivesse calma, teria entrado com bola e tudo.

No último lance da partida, o lateral Leandro invadiu a área e cruzou forte. A bola passou por toda a frente do gol. Não dá para negar que tivemos sorte. Em outros tempos essa bola teria entrado do jeito mais bizarro possível.

Superado o peso da estreia, o Palmeiras agora vai até Alagoas para enfrentar um espinho atravessado na garganta: Asa de Arapiraca.

NOTAS

- Bruno: Não foi muito exigido, mas não fosse seu pé salvador e as cornetas estariam soando forte neste momento – 7,5

- Ayrton: pecou em alguns lances ofensivos, mas foi dele o cruzamento para o gol. Além disso, foi bem na zaga – 7,5

- M.Ramos: sem sustos enquanto esteve em campo – 7

- Henrique: idem ao parceiro de zaga – 7

- Juninho: fraco no apoio e não comprometeu na zaga – 6

- Araújo: sempre que passa desapercebido é porque fez boa partida – 6,5

- Charles: responsável pela saída de bola, foi muito bem e vai reencontrando o bom futebol dos tempos de Cruzeiro – 7,5

- Tiago Real: se redimiu de um primeiro tempo muito fraco fazendo o gol da vitória – 7,5

- Vinícius: muita velocidade e pouca inspiração – 6

- Leandro: participou das principais chances de perigo da equipe, mas faltou um pouquinho mais de capricho – 7

- Kleber: fraco, muito fraco – 4,5

- André Luiz: manteve o nível, sem sustos – 7

- Ronny: fez mais do que o Vinícius em poucos minutos, merece uma chance entre os 11 e não é de hoje – 6,5

- Maikon Leite: duas chances, as duas perdidas…. – 4

MELHORES MOMENTOS

FICHA TÉCNICA

PALMEIRAS 1 X 0 ATLÉTICO-GO

Local: Novelli Júnior, em Itu (SP)
Data/Hora: 25/05/2013 – 16h20
Árbitro: Felipe Gomes da Silva (RJ)
Auxiliares: Bruno Boschilia (PR) e Ivan Carlos Bohn (PR)
Renda/Público: Não divulgado
Cartões Amarelos: Henrique e Roni (PAL); João Paulo e Ernandes (ATG)
Cartões Vermelhos: -
GOL: Tiago Real 7’/ 2ºT (1-0)

PALMEIRAS: Bruno, Ayrton, Henrique, Maurício Ramos (André Luis 10’/ 2ºT)  e Juninho; Márcio Araújo, Charles e Tiago Real; Leandro (Maicon Leite 31’/ 2ºT), Kleber e Vinicius (Roni 14’/ 2ºT). Técnico: Gilson Kleina.

ATLÉTICO-GO: Márcio, Jonh Lennon (Caio 26’/ 2ºT), Ednei, Diego Giaretta e Leonardo; Dodó, Ernandes, Robston (Pituca 22’/ 2ºT) e João Paulo; Wiliam Barbio (Juninho 35’/ 2ºT) e Ricardo Jesus. Técnico: Waldermar Lemos.

Read Full Post »

SEPxAtl-GO

Cá estamos para o primeiro dos 38 pré-jogos que jamais imaginamos escrever. Vai começar a série B 2013, e o Palmeiras inicia seu calvário até a (esperamos!) volta à elite. De uniforme novo, teremos pela frente um adversário que nos últimos anos aprontou poucas e boas para cima de nós.

Horário e local: sábado (24/05), as 16:20, no Novelli Júnior, em Itu (PPV).

Árbitro: será Felipe Gomes da Silva (RJ), estreante em jogos do Palmeiras.

Situação na tabela: tudo zerado na classificação.

Desfalques/Reforços: Fernando Prass, Léo Gago e Valdivia seguem de fora, lesionados. Patrick Vieira e Vilson já treinam com bola mas ainda ficam de fora. Não há suspensos. Tiago Alves foi apresentado e já está em condições de jogo. Souza pediu para ser negociado e nem viajou a Itu.

Pendurados: nenhum. Próxima partida: Asa (fora).

Previsão IPE: Bruno; Ayrton, Henrique, M.Ramos e Juninho; Araújo, Charles, Wesley e Tiago Real; Leandro e Kleber.

Destaques/Atl-GO: a equipe vice-campeã goiana não deverá ter mudanças para a estreia na B. A provável escalação do dragão é Márcio; Lennon, Ednei, Diego Giaretta e Leonardo; Dodó, Ernandes, Robston e João Paulo; Pipico e Ricardo Jesus.

Olho neles: o atacante Ricardo Jesus foi o artilheiro do goianão 2013 com 12 gols marcados.

Ex-palmeirenses no Atl-GO: o lateral-direito Paulo Henrique e o meia Caio.

Palpite IPE: o Palmeiras sentirá um pouco o “peso do estreia” e vencerá no sufoco – 1×0 – gol de Leandro.

Último confronto e última derrota em SP: foi pelo BR2012 – 1×2 – gols de Patrick Vieira para o Palmeiras, e Ernandes e Rayllan para o Atl-GO.

Última vitória em SP: foi também nossa única vitória em brasileiros contra o CAG, pelo BR2011 – 2×0 – gols de Marcos Assunção e Maikon Leite.

Histórico: pois é, somos fregueses. Será a primeira vez (e quiçá penúltima) que enfrentamos o dragão na série B.

GERAL SÉRIE B
J V E D GP GC J V E D GP GC
10 3 1 6 12 16 0 0 0 0 0 0

O IPE se lembra: o jogo de ida das quartas-de-final da Copa do Brasil 2010 foi disputado no Palestra (que saudade!) e terminou com vitória magra – 1×0 – gol de Cleiton Xavier, de penalti, em jogo que marcou a “despedida” de Diego Souza do clube.

Read Full Post »

Enrosco danado esse tal de Atlético-GO

O Palmeiras foi até Goiânia com um péssimo retrospecto contra o Atlético-GO no Serra Dourada, a chance de melhorar isso no entanto transformou o time em freguês dos goianos mesmo. O jogo em si não despertou grandes emoções e teve como destaques positivos apenas a re-estréia (modesta por sinal) de Corrêa e mais um gol de Barcos, o Pirata agora chega aos 7 no BR2012.

A exibição do Palmeiras deixou um ar de resignação, o time não conseguiu criar grandes jogadas além da do gol, abusou das chances perdidas e foi negligente na marcação, a imagem do segundo gol atleticano causa até um certo rubor em quem vê, vergonhoso para Bruno, Leandro Amaro e Román. Faltou criação, Valdívia até esteve em campo mas além de não jogar absolutamente nada, saiu de maca mais uma vez – vamos ver se joga na próxima… os reservas não tem qualidade, Patrik hoje foi o de sempre, tabelou errado, perdeu gol na cara e não criou boas oportunidades;

Vamos aguardar o retorno de alguns dos titulares e continuar torcendo pelo mau desempenho dos concorrentes do nosso campeonato, o contra a degola. A 16ª posição hoje se dá mais pela sorte do que pela competência, apostar nessa receita não vai ser uma boa, é melhor voltar a vencer, esquecer a Copa do Brasil e lembrar mais do pasto de Garanhuns.

Vamos às notas:

Bruno – indeciso, ficou plantado no segundo gol não teve mérito nenhum na partida – 4
Román – apagou os bons momentos com a falha bizarra no segundo gol – ZERO
Thiago Heleno – jogou um pouco mais adiantado e foi bem, pena ter saído machucado – 6
Maurício Ramos – falou no primeiro gol, de resto o de sempre – 5
Corrêa – arriscou pouco, 3 meses parado não é no 1º jogo que vai mostra a que veio – 5
João Vitor – belo cruzamento pro gol de Barcos, bateu bastante também – 6
Patrik – nulo, não criou nada que prestasse e ainda perdeu um gol na cara – ZERO
Juninho – mais uma vez o excesso de tentativas pela esquerda acabou levando ao excesso de erros – 5
Valdívia – não dá nem para comentar, não estava jogando nada e ainda pediu pra sair – ZERO
Mazinho – se faz o gol depois daquela puxada de calcanhar merecia placa, como não fez, passou em branco – 3
Barcos – uma ilha no mar do desespero verde, fez o gol, fez pivô, procurou as tabelas, chamou faltas, inconteste – 8

Obina – parecia que ia resolver o jogo, foi sumindo, sumindo, sumindo – 4
João Denoni – mal pegou na bola, nitidamente fora de ritmo – 3
Leandro Amaro – empatando estava ruim, perdendo depois da falha do triozinho Bruno/L.Amaro/Román – ZERO

Felipão – precisa inventar alguma coisa pra compensar os 9 desfalques, não pode deixar o time perder desse jeito – ZERO

Melhores momentos

Ficha Técnica

ATLÉTICO-GO 2 X 1 PALMEIRAS

Estádio: Serra Dourada, Goiânia (GO)
Data/hora: 19/8/2012, às 18h30
Árbitro: Sandro Meira Ricci (Fifa-PE)
Auxiliares: Alessandro Rocha de Matos (Fifa-BA) e Marcio Eustaquio Santiago (Fifa-MG)

RENDA/PÚBLICO: Não disponíveis
CARTÕES AMARELOS: Patric (ATG); Maurício Ramos, Thiago Heleno (PAL)
CARTÕES VERMELHO: -
GOLS: Eron, 18’/1ºT (1-0); Barcos, 24’/1ºT (1-1); Rayllan, 34’/2ºT (2-1)

ATLÉTICO-GO: Márcio, Marcos, Gustavo, Reniê e Eron (Diego Giaretta – 41’/2ºT); Dodó, Ernandes, Marino e Wesley (Felipe, 19’/2ºT); Patric e Ricardo Bueno (Rayllan – 33’/2ºT). Técnico: Jairo Araújo.

PALMEIRAS: Bruno; Román, Maurício Ramos, Thiago Heleno (Leandro Amaro – 31’/2ºT) e Juninho; Correa (João Denoni – 26’/2ºT), João Vitor, Patrik e Valdivia (Obina – 13’/2ºT); Mazinho e Barcos. Técnico: Luiz Felipe Scolari.

Read Full Post »

Fora da ZR apenas pelos critérios de desempate (aleluia!), o Palmeiras vai a Goiania encarar um confronto direto na luta por mais ar fresco.

Horário e local: domingo, 19/08, às 18:30, no Serra Dourada (Sportv/PPV).

Árbitro: será Sandro Meira Ricci (que trocou de federação e agora apita por Pernambuco), cujo histórico registra 8 jogos, com 3V/2E/3D:

2012- 1×1 Coritiba (CB, f)

2011 – 3×2 Atl-MG (BR, c)

2010 – 1×1 Goiás (BR, f) / 0x1 Atl-GO (CB, f)

2009 – 3×1 Atl-MG (BR, c) / 0x2 Flamengo (BR, c) / 2×3 Vitória (BR, f)

2008 – 2×1 Atl-PR (BR, f)

Desfalques/Reforços: Wesley, Luan, Maikon Leite e D.Carvalho seguem de fora, lesionados. Henrique, suspenso pelo terceiro amarelo, também é desfalque. João Vitor, afastado da última partida, Corrêa, já regularizado no BID, e Assunção, com dores intermitentes no joelho, são dúvida.

Pendurados: T.Heleno, Araújo, Barcos, D.Carvalho e Obina . Próxima partida: Santos (c).

Previsão IPE: Bruno; Artur, M.Ramos, T.Heleno e Juninho; Assunção, J.Vitor, Patrik e Valdivia; Mazinho e Barcos.

Bola verde IPE: Bruno continua na liderança, com média 6,06, mas já vê Barcos se aproximar.

Destaques/Atlético-GO: o volante Bida foi suspenso pelo STJD por um ano por ter sido pego no doping. O volante Joílson, expulso, também fica de fora. Adriano Pimenta, Felipe Brisola, Leonardo e Rafael Cruz, lesionados, também são desfalques. Em compensação, o lateral Marcos, recuperado de lesão, e o meia-atacante Wesley, retornando de suspensão, ficam à disposição. O técnico Jairo Araújo fez testes durante a semana e deverá escalar o dragão com Márcio; Marcos, Gustavo, Reniê e Eron; Dodó, Marino, Ernandes e Wesley; Ricardo Bueno e Patric.

Ex-palmeirenses no Atlético-GO: o atacante Ricardo Bueno.

Palpite IPE: 1×2 – o Atlético sai na frente, com Ricardo Bueno. O Palmeiras empata com Obina e vira com Barcos.

Último confronto no local do jogo: foi pelo BR2011 – 1×1 – gols de Henrique (PAL) e Thiago Feltri (CAG).

Última vitória no local do jogoo Palmeiras ainda não venceu o Atlético no Serra Dourada. A única vitória em terras goianas aconteceu em 1973, em um amistoso disputado no estádio Pedro Ludovico – 3×0 – gols de Leivinha (2) e Pio.

Última derrota no local do jogo: foi pelo BR2010 – 0x3 – gols de Robston (2) e Gílson.

Histórico: o histórico abaixo reforça a condição de Robin Hood assumida pelo Palmeiras nas duas últimas décadas.

GERAL CAMPEONATO BRASILEIRO
J V E D GP GC J V E D GP GC
8 3 1 4 10 12 4 1 1 2 3 7

O IPE se esqueceu: por motivos óbvios, o IPE se reservou ao direito de “esquecer” todas as partidas disputas no Serra Dourada vs. Atlético-GO.

Read Full Post »

Apenas um comentário para cada jogador a mais que tínhamos:

1. E eu que achava que os 6 a 0 seriam o maior vexame do ano.

2. Há pelo menos quatro anos que nosso amigo PC, comentarista assíduo deste blog, diz que é imprescindível trocar 100% do elenco para tentar tirar esse espírito derrotado dos atletas. Eu sempre fiz ressalvas, mas hoje dou a mão à palmatória: é esperar esse ano medonho se arrastar até o fim e então trocar absolutamente TODOS os jogadores desse plantel covarde, omisso e incompetente. Pra não falar de comissão técnica e dirigentes.

Read Full Post »

Older Posts »

Seguir

Obtenha todo post novo entregue na sua caixa de entrada.

Junte-se a 44 outros seguidores